Robson Cabugi

FESTA DA PADROEIRA: Convite do Pe. RENATO para você e sua família

Tema: Sob o olhar de Maria, somos batizados e enviados em Missão.
Lema: Com Maria a missionária do Pai, anunciamos Jesus o Filho de Deus.

Palavra do Padre…

Movidos pelo Espírito de Deus que anima e sustenta a missão da Igreja nos quatro pilares da evangelização que são: a Palavra, o Pão, a Caridade e o Anúncio, venho como que faz parte de uma igreja sinodal, composta de batizados e enviados, discípulos missionários de Cristo, convocar todos os filhos e filhas da Imaculada Conceição a participarem da festa da Padroeira da Paróquia, formada pelas cidades de Pedra Preta, Caiçara e Lajes, tendo sua Matriz nesta última ora citada. Todos se sintam convidados a manifestar o estado de prontidão para servir como fez Maria: “Eis aqui a Serva do Senhor, seja feito segundo a Tua vontade”. Que a festa da padroeira se realize segundo a vontade de Deus. Que a festa seja oportunidade de encontros de fé e devoção, continuidade da tradição, seja espaço de conversão, graças e bênçãos do Senhor que confiou a Maria a missão de trazer o Salvador da humanidade ao mundo. A Festa da Imaculada Conceição encerra as atividades do ano, o que se segue já é a celebração do Natal e Ano Novo. Então neste sentido, pode-se afirmar que a festa de Nossa Senhora da Conceição, se constitui uma grande Ação de Graças a Deus pelas bênçãos recebidas, pelas graças alcançadas, pelas vitórias conseguidas. Se a Festa da Mãe do Senhor acontece no advento que é o tempo da espera, então com Maria ficamos grávidos no novo que estar por vir.

A nossa festa acontece num tempo muito bonito, que o tempo do Avento, tempo de esperança, tempo da verdadeira alegria que brota da certeza de que Ele já veio na plenitude do tempo, Ele vem em cada Missa que celebramos e Ele virá na sua Glória. Termino colocando todos os paroquianos, todos os visitantes, toda festa nas mãos de Maria, a missionária do Pai, a discípula fiel que sem medo abriu-se ao plano de Deus em sua vida. Termino com a certeza de que no sim de Maria, a palavra se fez carne, entrou na história e assumiu nosso rosto, nossa humanidade. No sim de Maria, está a raiz do trigo que se deu para os Apóstolos, para a Igreja e é para o mundo como Pão da vida eterna. Do sim de Maria brotou a caridade de Cristo que amou sem medidas e se colocou à serviço da vida até o último respiro da sua existência humana.

Do sim de Maria veio aquele que anunciou o reino e tornou anúncio de uma vez por todas na vida da Igreja até que ele volte. Deus abençoe a todos os devotos e devotas, Deus os acompanhe sempre nos caminhos da vida. Deus nos conceda sempre a sua misericórdia, Deus seja sempre a razão da nossa Alegria.

Pe. Raimundo Renato da Rocha Ciríaco



Deixe seu comentário

%%%%%%%%%%%%%%%%%%