Robson Cabugi

Petrobras assina contrato para venda de usinas eólicas no Rio Grande do Norte

A Petrobras informou nesta quinta-feira (7) que assinou o contrato para venda das usinas eólicas Mangue Seco 3 e 4, ambas fazem parte do complexo de 4 usinas localizadas em Guamaré, no Rio Grande do Norte, com capacidade instalada total de 104 MW. As duas vendidas têm metade, 52 MW.

A estatal receberá R$ 89,9 milhões por sua participação nas usinas, que corresponde a 49%. Destes, R$ 22,5 milhões foram pagos pela V2I Transmissão de Energia Elétrica S.A., que tem como gestora a Vinci Partners Investimentos Ltda., já nesta 5ª feira. O restante das participações das duas usinas (51%) eram da Wobben Windpower Indústria e Comércio Ltda (Wobben) e também foram vendidos.

O restante do valor a ser pago à petroleira (R$ 67,4 milhões) dependerá do aval do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica).

Segundo a Petrobras, a operação “está alinhada à estratégia de otimização de portfólio e à melhoria de alocação do capital da companhia”, informou em comunicado.

“Com essa operação, a Petrobras mantém o foco na redução do seu endividamento ao mesmo tempo em que concentra seus recursos em ativos com maior potencial de geração de valor, como os campos de petróleo e gás em águas profundas e ultraprofundas”, afirmou o diretor de Relacionamento Institucional e Sustentabilidade da empresa, Roberto Furian Ardenghy.

A estratégia foi definida no governo Bolsonaro. O presidente da empresa, Roberto Castello Branco, informou que, em 2019, quando assumiu, a estatal tinha o dobro da dívida média das 10 principais empresas do setor e que a venda de ativos visa a redução desse valor (US$ 106 bilhões) e a concentração das atividades na exploração de petróleo e gás.

Fonte: Poder360



Deixe seu comentário

%%%%%%%%%%%%%%%%%%