Em AUDIÊNCIA Pública, prefeito e vereadores de Pedra Preta discutem soluções para o conjunto Bela Vista

Na manhã da última terça, 19, a Câmara Municipal de Pedra Preta realizou mais um Audiência Pública, dessa vez sobre o conjunto habitacional Bela Vista que há quarenta e cinco dias está sem energia elétrica. A Audiência Pública foi proposta pela vereadora Cathirenny Teixeira (PODEMOS).

Mesmo tendo sido convidados, levaram falta representantes do Ministério Público, COSERN, CAERN e DRPAR Incorporações, empresa responsável pela construção do conjunto.

Em seu pronunciamento, o prefeito Luiz de Haroldo (PSD), apresentou uma relação de documentos solicitados pela COSERN e informou que providenciou todos e apresentou a companhia energética. Luiz ainda informou que a Prefeitura de Pedra Preta não foi a responsável pela obra e que as casas foram construídas numa parceria entre o Ministério de Desenvolvimento Social, o Banco Paulista e a empresa DRPAR Incorporações.

“Desde que tomamos conhecimento do corte de energia, temos trabalhado incansavelmente para solucionar o problema e os moradores são testemunhas do nosso esforço. Temos nos reunidos semanalmente com os moradores e dado satisfação do nosso trabalho”, lembrou o prefeito aos vereadores e populares presentes.

Ainda foi levantando pelos moradores o problema da falta de fornecimento de água para o Conjunto e o gestor informou que já solicitou junto à CAERN, mas que foi informado que não poderia haver novas ligações de água, enquanto não houver solução para o colapso de água no Estado. Sobre esse problema, Luiz anunciou que a Prefeitura providenciará no mínimo duas caixas de água de 10 mil litros para amenizar o problema das famílias.

Fonte: Informativo Central



Deixe seu comentário

%%%%%%%%%%%%%%%%%%