Na Câmara, Vereador Alderi sai em defesa do Prefeito “não é apenas uma Van que foi alugada, eram alguns veículos”

O Prefeito Felipe Menezes encaminhou à Câmara de Lajes um pedido de prorrogação de mais 15 dias para apresentar cópia dos processos de pagamento que envolvem a contratação de uma Van à construtora “PG Construções”. Até o momento o Prefeito não disponibilizou os documentos para que os vereadores tenham acesso.

Em sua fala, o Vereador Alderi Pereira disse “Eu quero dizer que essa informação, que quando foi passada para a sociedade, que uma van foi alugada por 400 mil reais, isso não existe; mas, o que existe foi um conjunto de veículos, onde foi feito um contrato, de contrato estipulado de 400 mil e esses valores desses veículos, dentro do objeto do contrato da empresa licitatória ele é pago por quilometragem.”

O vereador Alderi Pareira, líder do Prefeito na Câmara, demonstra não conhecer a gestão que ele defende. Na publicação que consta no diário oficial, diz que a “Contratação de empresa para realizar o transporte de passageiros por meio de ônibus e VANS, para atender a demanda das diversas Secretarias Municipais de Lajes/RN.” Por esse contrato, não teria como a Prefeitura contratar outros tipos de veículos.

Nos pagamentos realizados à empresa, os empenhos se referes a dois veículos: 1 van de 09 lugares e um ônibus para 44 passageiros. O valor de R$ 401 mil é referente apenas a Van, nos primeiros 7 meses do contrato.

Somando o valor pago pelo aluguel da Van e um Ônibus, a Prefeitura já pagou à PG mais de R$ 855 mil reais entre junho de 2022 e setembro de 2023.

Em dezembro de 2022, a Prefeitura chegou a pagar em menos de 10 dias de intervalo, o valor de R$ 125.777,98. Do ônibus, a Prefeitura chegou a pagar mais de R$ 35 mil reais no mês de agosto de 2022.

Quanto a informação de que outros veículos seriam contratados pela empresa, não procede. Para locação de veículos, a gestão de Menezes possui contrato com a empresa “O Leal de Mesquita”.



Deixe seu comentário

%%%%%%%%%%%%%%%%%%